domingo, agosto 12, 2007

mudança de datas

Por motivos maiores da organização, os espetáculos Hypólita - uma história de amor nas cidades de Pedro Leopoldo e Belo Horizonte mudaram de data.

Fica assim:
31/08 - Pedro Leopoldo
01/09 - BELO HORIZONTE [Pç Duque de Caxias - Bairro Santa Teresa, 17:30h]

Em Belo Horizonte terminamos a turnê Mercantil do Brasil Cultural 2007, que já passou por 11 cidade mineiras emocionando muita gente. Depois disso vamos à procura por outras oportunidades.

--------

Quarta Semana
.
E pronto, a turnê de Hypólita está no fim. As viagens pelo menos acabaram-se. Dias 7, 8 e 9 de agosto estivemos em Barbacena, Conselheiro Lafaiete e Congonhas, na ordem. Alguns imprevistos, mas no final das contas tudo certo.
.
Segunda feira, seis de agosto de dois mil e sete. Pude almoçar em casa pois a viagem era curta e sairíamos às duas do Espaço Yepocá. Tudo certo e fomos para Barbacena. Que cidade grande, com transito complicado, muito carros e ruas estreitas. Hotel em frente à praça da apresentação. Tudo certo tudo ótimo. O resto de dia tranquilo. Jantar no restaurante ao lado do hotel, que comodidade!
.
Terça e a manhã foi com o sono muito rápido. As coisas montadas e o dia escorrido. À noite as coisas correram fluidas e um pouco estranhas por ter tido tanto tempo sem ensaios. Mas pela improvisação, as coisas que estavam fora da memória foram inventadas.
.
Quarta e fomos já cedo para Conselheiro Lafaiete. Chegamos e fomos direto conhecer a praça, que foi uma no alto da cidade onde habita seu Cristo de braços abertos de muitos metros. Almoçamos e fomos pro hotel. No horário já habitual fomos passar o som e ficar para a noite direto. Começamos o espetáculo e logo na primeira cena um imprevisto. Pouca manha para improviso nessas horas nos desestimulou temporariamente, mas que público! Concentrados parece que nem perceberam o erro... rs. Continuamos e quando o meio vinha a chave de luz do lugar caiu. Putz! Arrego, cagaço! A energia foi muita para a antiga chave. Mas a equipa, uma incrível equipe!, conseguiu ligar algumas luzes e os microfones. Entretanto tudo voltou meio desregulado, o que resultou num engodo artístico, pelo menos para a trupe. Luzes e retornos desregulados e canções desafinadas, descompaçadas. Arrego, cagaço! Mas que público! Maravilhos e compreensivo, nem um piu. Acabamos aos trancos e a energia no final meio atordoada. E como diz um amigo, "tudo que vem é pro bem". Deixei estar.
.
Quinta e rumo a Congonhas. Sono, cansaço. Cidade bonita e escondida. Lugar incrível para a noite. E daquele jeito, dia corrido, descanço escasso, montagem, espera. À noite um clima perfeito. Interação perfeita. Sem muito a dizer, o espetáculo foi ótimo, um dos melhores. A platéia, o lugar, a equipe, a companhia. Tudo leve e gostoso. O que foi de errado no dia anterior, foi de certo neste. ... Jantar com boa parte do pessoal, descontração e dormir muito, muito tarde.
.
Sexta e volta à capital. Viagem tranquila e despreocupada. Depois ainda um ensaio de outra peça da Yepocá. Bacana demás. E enfim casa, doce casa.

Saudades dessa bagunça toda que é viajar com essa galera. rs
--------
A peça Hypólita - uma história de amor da Cia de Yepocá foi patrocinada no processo de criação pelo Banco Mercantil do Brasil e está inserida no projeto Mercantil do Brasil Cultural 2007.

3 comentários:

Carlos Howes disse...

Que coisa bacana. È bom de se ver que ainda há pessoas no brasil que dão valor e investem na cultura. Pois por aqui, a cultura depende muito desses incentivos.

' Jaya . disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
' Jaya . disse...

Nem acredito! Faz um bom tempo que venho tentando comentar aqui, viu dona Mariana? Esse seu texto lá de cima que me deixou com tanta água na boca, resolveu simplesmente evitar meus comentários. Tava pra bater no blog. Rs. Xinguei o blogger e tudo mais. Agora passou, então vamos por partes.

1. Eu adooooro você ser atriz, cantar e ainda escrever. Que coisa mais bem sincronizada é essa? Artista completa. E eu quero uma apresentação de 'Hypólita' aqui em Boa Vista. E fiquei super curiosa de ouvir o som da 'Fofoca'. Me amarrei no nome. Rs.

2. Não conheço Sabará, mas meu pai morou muito tempo em Viçosa, cidade pela qual me apaixonei. E tenho alguns parentes em BH também. Além de adorar os mineiros. E falar nisso me deu vontade de pão de queijo. Rs.

3. Você deve estar cheia de apresentações, mas eu quero muito te ler logo.

Boa temporada geral. Muita música, muita concentração e muita alegria nesse período.

Um beeeeeijo.
:*

-E eu só espero que o blogger não deixe de aceitar esse enorme comentário. Se não eu vou criar confusão. Rs.

P.S.: Uma coisa, mudei o endereço do blog. Não esquece de alterar aí no link, tá?

brincandodefelicidade.blogspot.com

Agora eu já vou, afinal, isso era pra ser um comentário e não um post!